Tel: (71) 3333-8000

Fax: (71) 3333-8176

O primeiro blog sobre investimento imobiliário na Bahia

17.06.2011

Investimento Imobiliário

Lucrar com aluguel ou vender o imóvel?

{lang: 'pt-BR'}

Ponto 4Você já deve ter ouvido falar ou já deve até passado por essa situação: ao se mudar de um imóvel próprio as pessoas, normalmente, ficam em dúvida sobre o que fazer com o antigo. Ou melhor, não sabem ao certo o que é mais rentável para o proprietário: vender a residência que será desocupada ou mantê-la alugada. Bem, resolver essa questão pode parecer simples, mas ter cautela para equilibrar o bom senso e a aplicação a longo prazo é a melhor dica para amenizar possíveis dores de cabeça.

Para exemplificar a situação, imagine o seguinte: você possui um imóvel de mais ou menos 500 mil reais e irá se mudar para outro, já quitado. Para saber o que fazer com aquele que ficará vago, consultores de investimento imobiliário lembram que é preciso observar dois fatores principais: a localização do imóvel e o respaldo financeiro para possíveis instabilidades.

Isso porque o lugar onde fica a casa ou o apartamento antigo faz toda a diferença na escolha.  É o caso das áreas nobres, centrais ou com potencial de crescimento – como aqueles bairros com um boom de construções residenciais. Os preços dos empreendimentos nessas regiões são mais altos que os valores médios do mercado imobiliário, o que significa que alugar um imóvel desse tipo deve render mensalmente por voltar de 4.000 reais (considerando o valor da residência descrito no parágrafo anterior). Essa renda é satisfatória, porque, segundo especialistas, o acréscimo na economia doméstica é considerável e há ainda uma economia de gastos com o condomínio.

Já o respaldo financeiro que você deve possuir diz respeito a ambas as decisões, vender ou alugar, pois para as duas é preciso contar com a imprevisibilidade do mercado e a variação da economia imobiliária. Se você prefere vender o imóvel, a sugestão é investir o dinheiro em fundos imobiliários ou salas comerciais, pois esse tipo de investimento costuma render mais em aluguel do que os residenciais. Os dois tipos de aplicação, no entanto, implicam em ter dinheiro em caixa para situações de risco, como a alta da inflação ou a desvalorização do apartamento/casa.

Mauro Halfeld, consultor de investimento, diz que apesar de todas essas ressalvas, vender o imóvel e ter disponível uma carteira de opções costuma ser a garantia mais segura de lucrar. Para ele, dentro dessa alternativa, existem três possibilidades de aumento de renda: Título de Tesouro Direto de longo prazo, fundos imobiliários e imóveis comerciais. Essas estratégias, aliadas ao auxílio de um bom economista, poderão fazer seu dinheiro ser mais bem aproveitado do que o aluguel.

Ainda não sabe qual a melhor alternativa para você? Converse com nosso Corretor Online e esclareça todas as suas dúvidas.

Um comentário



*

*

*

Corretor Online
© 2010 Ponto 4 & Coelho da Fonseca - CRECI J-1195 - Todos os direitos reservados.